Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Dezasseis anos de prisão por esfaquear rival

O Tribunal de Elvas condenou ontem Cristiano Nunes, brasileiro de 37 anos, a 16 anos e meio de prisão por ter esfaqueado até à morte um outro homem, ex-companheiro da namorada, em Agosto de 2009, numa rua do centro da cidade. O colectivo de juízes deu como provado o homicídio de António Gago, de 42 anos, morto com uma arma branca (uma faca de cozinha com vinte centímetros de lâmina).
12 de Maio de 2010 às 00:30
Cristiano Nunes condenado
Cristiano Nunes condenado FOTO: Pedro Galego

Os ânimos exaltaram-se durante a leitura do acórdão, com alguns familiares da vítima a gritarem "assassino" ainda no interior da sala de audiência, totalmente lotada por populares.

"Qualquer arguido que ceife vidas humanas tem de ser punido, mas a pena é excessiva e iremos recorrer", disse no final João Bugio, advogado de Cristiano Nunes.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)