Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Dois presidentes para uma cadeira

José Estevens contra Jorge Botelho depois do Tribunal Constitucional ter validado candidatura.
6 de Setembro de 2013 às 01:00

Tavira vai ter dois presidentes de câmara em funções como candidatos, depois de ontem a candidatura de José Estevens (PSD) ter sido validada pelo Tribunal Constitucional, que permite que autarcas que cumpriram três mandatos noutros concelhos sejam elegíveis.

José Estevens, presidente da Câmara de Castro Marim há 16 anos, vai candidatar-se a Tavira devido a "uma ligação de sangue" e a um apelo do PSD, partido que o apoia, e não a CDU, como o CM erradamente noticiou ontem. O autarca, que quer "dar dinâmica" a um concelho que, segundo ele, "teve nos últimos quatro anos um executivo adormecido". Diz que tem tido tarefa árdua com o trabalho diário em Castro Marim e o contacto "fora de horas", com os eleitores tavirenses.

O mesmo ‘problema’ tem Jorge Botelho. Apesar da ‘obrigatoriedade’ da campanha, o autarca diz que o seu cartão de visita é "o trabalho diário, desde há quatro anos" e a "credibilidade" que conferiu à Câmara de Tavira. As prioridades são o "apoio social e educação". Para o candidato da CDU, Miguel Cunha, a aposta é no "combate ao desemprego" e às suas "consequências sociais" Carlos Lopes é o candidato do Bloco de Esquerda.

José Estevens Jorge Botelho Tribunal Constitucional Tavira presidentes
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)