Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Ellie voa para braços da mãe

Custódia de criança que vivia com o pai, acusado do seu sequestro, foi confiada a Candice.
6 de Maio de 2014 às 16:35
Candice Gannon foi viver para a Irlanda com novo companheiro e filhos e reencontrou-se com Ellie
Candice Gannon foi viver para a Irlanda com novo companheiro e filhos e reencontrou-se com Ellie FOTO: Luís Costa

Elllie, a menina de 9 anos que viveu nos últimos 7 meses na ilha da Madeira, com o pai, Filipe Silva, acusado de sequestro da própria filha, voltou ontem para os braços da mãe.

Por decisão da Justiça, a menina vai viver na Irlanda com a mãe, Candice Gannon, o padrasto e os três irmãos. A criança foi ontem entregue ao padrasto, Philip Gannon, no aeroporto do Funchal, para viajar para a Irlanda, onde se reencontrou com a mãe e os três irmãos. Segundo o padrasto revelou ao CM, "Ellie estava [durante a viagem] muito feliz e ansiosa por reencontrar a mãe e os irmãos".

Candice decidiu mudar-se para o país de origem com a família por alegar uma gravidez de risco. Estava grávida de gémeos, entretanto nascidos prematuramente, em março. O Tribunal de Família e Menores de Faro resolveu então atribuir a guarda temporária ao pai. Isto apesar de o empresário algarvio estar acusado de sequestro da própria filha: em setembro de 2012, não cumpriu a decisão do tribunal de entregar a menina à ex-companheira. Só em fevereiro do ano seguinte, já depois deste ter sido detido pela PJ, Ellie foi entregue às autoridades pela avó materna. O julgamento de Filipe Silva pela acusação de sequestro ainda não teve início.

Ellie Filipe Silva Candice Gannon Philip Gannon Funchal Madeira Irlanda tribunal família e menores Faro
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)