Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Empresários de carrosséis repetem protesto

Empresários de diversões voltaram, neste sábado, a manifestar-se em Ponte de Lima contra a alegada "falta de transparência" na atribuição de lugares para as festas concelhias, através de um desfile de dezenas de camiões pelas ruas da vila.
21 de Maio de 2011 às 19:42
Protesto fez-se com desfile de dezenas de camiões pelas ruas da vila
Protesto fez-se com desfile de dezenas de camiões pelas ruas da vila FOTO: Arquivo CM/Manuel Moreira

Segundo Luís Paulo Fernandes, presidente da Associação Portuguesa de Empresas de Diversões (APED), no protesto marcaram presença "mais de 50" camiões que "entupiram completamente" o trânsito em Ponte da Lima.         

Fonte da PSP contactada pela Lusa contrapôs que entre camiões e carrinhas "serão cerca de 30 viaturas", uma situação que "está a causar alguns constrangimentos" na circulação, "embora o trânsito vá circulando".         

O presidente da Câmara, Victor Mendes, disse à Lusa que recebeu os manifestantes "para tentar chegar a um acordo", mas sem sucesso, "uma vez que eles se manifestaram irredutíveis".         

A APED considera que houve "falta de transparência" na adjudicação dos espaços para os divertimentos nas festas concelhias, as Feiras Novas.         

"A negociação foi injusta e pouco transparente, não cumpriu com o direito de concorrência e com a igualdade de oportunidades", disse, à Lusa, o presidente daquela associação, falando em "favorecimento" a um empresário.         

A APED tem outras manifestações agendadas para 22, 23, 27, 28, 29 e 30 de Maio.

carrosseis manifestação protesto ponte de lima
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)