Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

EN125 esburacada com obras atrasadas

Degradação do piso coloca em causa a segurança de quem circula neste troço da estrada.
Tiago Griff 12 de Novembro de 2017 às 09:41
Degradação do piso é cada vez mais evidente em várias zonas do troço entre Olhão e Vila Real de Santo António
Degradação do piso é cada vez mais evidente em várias zonas do troço entre Olhão e Vila Real de Santo António
Degradação do piso é cada vez mais evidente em várias zonas do troço entre Olhão e Vila Real de Santo António
Degradação do piso é cada vez mais evidente em várias zonas do troço entre Olhão e Vila Real de Santo António
Degradação do piso é cada vez mais evidente em várias zonas do troço entre Olhão e Vila Real de Santo António
Degradação do piso é cada vez mais evidente em várias zonas do troço entre Olhão e Vila Real de Santo António
Os buracos e a elevada degradação da estrada são visíveis e podem colocar em causa a segurança de quem circula no troço da EN125, entre Olhão e Vila Real de Santo António.

O Governo prometeu começar a requalificação no terceiro trimestre de 2017. No entanto, as obras só deverão começar no final de 2018.

A burocracia, ao que o CM apurou, parece estar a atrasar todo o processo de requalificação, que ainda está à espera de aprovação do Tribunal de Contas, que poderá só acontecer em fevereiro.

"É evidente que em relação ao cronograma inicial, consideramos que começa a estar atrasado", assumiu ao CM Jorge Botelho, presidente da AMAL - Associação de Municípios do Algarve, que admite que "a estrada está muito degradada" e que "vai piorando com o passar do tempo, especialmente quando chegarem as chuvas de inverno".

Mesmo que sejam lançados os concursos públicos das empreitadas nos primeiros meses de 2018, os trabalhos só começariam na altura do verão, uma situação proibitiva para os municípios algarvios.

"Obras e época alta do turismo não combinam e não vamos aceitar isso", referiu o autarca, que admite que as obras só deverão começar, na melhor das hipóteses, no último trimestre de 2018.

Pormenores
Promessa por cumprir
O ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, garantiu em janeiro deste ano que as primeiras obras de requalificação do troço da EN125 entre Olhão e Vila Real de Santo António (VRSA) iriam começar no terceiro trimestre de 2017.

Intervenções urgentes
Todo o troço da EN125 entre Olhão e VRSA está em mau estado mas há intervenções considerada mais urgentes. Segundo Jorge Botelho, as prioridades são "a parte nascente de Olhão, a zona de Almargem, em Tavira, e o troço junto à Praia Verde, Castro Marim".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)