Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Encapuzados armados roubam BMW e Audi

Na mesma noite, dois grupos de encapuzados roubaram um BMW, em Vila Chã, Vila do Conde, e um Audi todo-o-terreno, na localidade de Gandra, em Paredes. No primeiro carjacking, o grupo era composto por três assaltantes, enquanto no roubo de Paredes, o gang já era de cinco encapuzados. Mas os dois casos poderão estar ligados.
23 de Abril de 2010 às 00:30
As vítimas foram ameaçadas com armas para entregarem os carros
As vítimas foram ameaçadas com armas para entregarem os carros FOTO: simulação

Pouco passava das 22h00 quando três homens armados seguiram um BMW 325, conduzido por uma mulher de 38 anos, desde a praia de Angeiras, em Matosinhos, até Vila Chã, em Vila do Conde, onde reside a vítima.

No caminho, a mulher estranhou a presença de um veículo que aparentemente a estava a seguir, mas continuou até casa. Em frente ao portão da residência, os encapuzados bloquearam o carro da mulher com a viatura em que seguiam e apontaram as caçadeiras à vítima. A condutora trancou-se dentro do BMW, mas o gang partiu um vidro do carro e arrastou a mulher para a rua. Fugiram com os dois carros em direcção à A28.

À 01h30, em Gandra, Paredes, o condutor de um jipe de marca Audi, de 51 anos e residente em Valongo, que tinha acabado de ir buscar a filha de 19 anos à saída de uma festa académica, foi abordado por cinco encapuzados, três deles armados com caçadeiras.

Na Estrada Nacional 15, junto aos bares da zona universitária de Gandra, os assaltantes bloquearam o veículo topo de gama com um BMW de cor escura, semelhante ao roubado horas antes em Vila do Conde, para impedir que as vítimas fugissem. O homem e a filha não ofereceram resistência e entregaram o jipe.

O grupo fugiu em direcção à A4, sem deixar rasto. Uma patrulha da GNR ainda tentou localizar os suspeitos, mas sem sucesso.

A Polícia Judiciária do Porto está a investigar os dois carjackings, que poderão ter sido cometidos pelos mesmos assaltantes.

PORMENORES

SEGUIDA DURANTE 12 km

A proprietária do BMW terá sido seguida na A28 durante os 12 quilómetros que separam Matosinhos de Vila Chã. Momentos antes, a mulher abasteceu numas bombas de gasolina do Grande Porto.

JOVENS E DETERMINADOS 

Nos dois casos, as vítimas contaram às autoridades que os assaltantes aparentavam ter entre 25 e 35 anos e que não hesitavam em mostrar violência para conseguir o objectivo de roubar os carros. Os grupos também mostravam ser organizados.

DESMANTELAR 

As autoridades acreditam que os dois veículos roubados podem ser desmantelados, e as peças vendidas no mercado negro, ou serem exportados para o estrangeiro. A GNR foi chamada pelas vítimas, mas os dois casos estão a ser investigados pela PJ do Porto.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)