Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Encontrado sem vida atleta desaparecido no Marco de Canaveses

Marílio Costa Leite, de 48 anos, estava em local incerto desde que tinha desaparecido no passado fim de semana.
Tânia Laranjo, Aureliana Gomes e Paulo Jorge Duarte 20 de Julho de 2021 às 21:14
A carregar o vídeo ...
Marílio Costa Leite, de 48 anos, estava em local incerto desde que tinha desaparecido no passado fim de semana.
Foi encontrado esta terça-feira ao início da noite o corpo de Marílio Costa Leite, de 48 anos, o atleta que estava desaparecido desde o passado fim de semana. O homem terá caído de uma ravina com cerca de cinco metros de altura.

Segundo o comandante da GNR de Amarante, o corpo estava completamente tapado por vegetação no momento em que foi encontrado. Também segundo o comandante GNR que fez o ponto de situação, as autoridades já tinham patrulhado aquela zona e as buscas já tinham sido dado como terminadas no momento em que o corpo foi descoberto, com a ajuda de várias pessoas e auxiliavam nos trabalhos.

Um amigo do atleta descreveu à CMTV o momento em que o corpo de Marílio Costa Leite foi encontrado, o atleta estava a cerca de "quatro ou cinco quilómetros" do local do trilho.

Um chip que é utilizado nos dorsais de atletas que realizam provas de trail acabou por ser vital nas buscas por Marílio Costa Leite. 

As autoridades estão a preparar a retirada do cadáver de Marílio Costa Leite da zona de mato.

Casado e com dois filhos
Marílio Costa Leite, casado e com dois filhos maiores de idade, saiu de casa no domingo, como fazia várias vezes, para participar em mais um trail, desta vez, na ‘Rota das Capelas’, no Marco de Canaveses. Com uma vasta experiência neste tipo de prova, desta vez não chegou à meta.

“Ele era muito experiente. Este trail para ele era fácil. Não consigo entender o que se passou”, disse ao CM uma colega que se juntou às buscas logo de manhã.

Na tarde e noite de domingo, os Bombeiros do Marco e a Unidade Especial de Proteção e Socorro da GNR bateram o terreno até às 04h00, mas sem sucesso. As buscas foram interrompidas por falta de visibilidade e retomadas segunda-feira às 07h00, com militares da GNR, apoiados com equipas cinotécnicas e drones com sensores térmicos. Aos operacionais juntaram-se populares e amigos do atleta, apeados e de mota. Os trabalhos continuaram esta terça-feira e culminaram com a descoberta do cadáver de Marílio Costa Leite.

Alerta dado por colegas
Ao início da tarde de domingo, os colegas do grupo ‘Nós Acreditamos Run Team’ deram o alerta. Marílio, natural de Felgueiras, tinha sido visto ao quilómetro 17 - a três quilómetros da meta - sentado no lugar das Pedras Brancas, por um atleta de Vizela que lhe terá perguntado se precisava de ajuda. Terá dito que estava só a descansar e seguiria o percurso. Isso não aconteceu.
Marco de Canaveses desporto Marílio Costa Leite autoridades locais buscas
Ver comentários