Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

‘Engenheiro’ burla recluso na cadeia

Um recluso do Estabelecimento Prisional de Coimbra fez-se passar por engenheiro e burlou o colega de cela, prometendo que o tirava dali "num ápice" em troca de dinheiro. A vítima, que tinha acabado de entrar na prisão, entregou-lhe 2660 euros que guardava dentro de uma meia, mas só foi libertada depois de cumprir a pena.

20 de Novembro de 2011 às 01:00
Crime na prisão de Coimbra
Crime na prisão de Coimbra FOTO: Ricardo Almeida

O caso, que ocorreu em 2009, está a ser julgado no Tribunal da Lousã. No banco dos réus está o alegado burlão, 55 anos, a mulher, 59 – descrita por ele como pessoa bem relacionada que ia libertar o lesado "através da pulseira electrónica" –, e a filha, de 30. As duas são acusadas de terem colaborado, a partir do exterior, com o familiar, que cumpria uma pena por burla.

BURLA CADEIA COIMBRA
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)