Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Escolas sem internet

Portugal é o segundo país da Europa com menos computadores ligados à internet nas escolas do ensino básico, revela o estudo ‘Números Chave da Educação na Europa 2005’, divulgado ontem pela rede europeia de informação Eurydice.
27 de Julho de 2005 às 00:00
Escolas sem internet
Escolas sem internet FOTO: d.r.
De acordo com o relatório, elaborado em 30 países europeus, incluindo os 25 Estados-membros da União Europeia, 60 por cento dos computadores existentes nas escolas portuguesas têm ligação à internet, a percentagem mais baixa a seguir à Eslováquia, onde apenas metade dos aparelhos estão conectados à rede.
Já em países como a Finlândia, Suécia, Luxemburgo, Reino Unido ou Islândia, mais de 90 por cento dos computadores existentes nos estabelecimentos de ensino do segundo e terceiro ciclos estão ligados à internet.
O estudo diz ainda que apenas 15 por cento dos portugueses entre os 30 e 34 anos são licenciados, menos de metade da percentagem maior dos países europeus, onde uma em cada três pessoas desta faixa etária tem habilitações superiores.
Apenas a República Checa, Itália, Hungria, Eslováquia, Polónia e Roménia têm uma percentagem tão baixa como a de Portugal.
Na faixa etária entre os 20 e os 24 anos, Portugal volta a apresentar uma baixa percentagem de jovens com habilitações para o ensino superior, à semelhança de Malta, Luxemburgo e Islândia. Mais de 55 por cento dos jovens destas idades não têm habilitações para ingressar no ensino superior.
Ver comentários