Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Espancam prima de director da PJ

Momentos de terror. Um casal de jovens agrediu e roubou uma prima de Vítor Alexandre, director da PJ de Lisboa, e familiar do superjuiz Carlos Alexandre, na própria casa da vítima, anteontem, em Oeiras. Levaram mais de 1500 euros em ouro e dinheiro. Tudo se passou ao final da tarde, quando os dois ladrões, com cerca de 25 anos, bateram à porta da mulher de 74 anos, que estava sozinha. A vítima pensou que era uma vizinha e entreabriu a porta. Foi logo atingida com um soco que lhe partiu um dente.
2 de Outubro de 2011 às 01:00
Vítima recebeu tratamento no Hospital São Francisco Xavier
Vítima recebeu tratamento no Hospital São Francisco Xavier FOTO: Pedro Catarino

O casal, de cara destapada e de faca em punho, empurrou então a mulher para um sofá e começou por lhe colocar uma almofada na cara. Depois, meteram-lhe um guardanapo na boca. Acto contínuo, o ladrão vasculhou a casa, enquanto a cúmplice vigiava a vítima. "O homem disse que tinha que fazer isto porque a filha estava refém e que quem o mandou era uma pessoa que me odiava", disse a septuagenária. "Fiquei calada, estive 40 minutos entre a vida e a morte", contou.

Inicialmente, a mulher avaliou em cerca de 1500 euros o material roubado, mas ao CM revelou que o valor será superior.

OEIRAS PJ AGRESSÃO VÍTOR ALEXANDRE
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)