Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

ESTRADAS VIGIADAS POR 3 MIL MILITARES DA GNR

Militares dos efectivos das Brigadas de Trânsito e Territorial da GNR, num total de 3350 homens, vigiam, até às 24h00 de quarta-feira (dia 1), as principais vias rodoviárias do País, com o objectivo de prevenir a sinistralidade e apoiar os automobilistas que nesta época do ano costumam fazer-se às estradas.
28 de Dezembro de 2002 às 13:13
ESTRADAS VIGIADAS POR 3 MIL MILITARES DA GNR
ESTRADAS VIGIADAS POR 3 MIL MILITARES DA GNR
A ‘Operação Ano Novo’ conta, assim, com 950 elementos da Brigada de Trânsito, que estão na rua desde as 12h00 de ontem, e 2400 guardas das Brigadas Territoriais, que vigiam as estradas desde as 00h00 de hoje.

A vigilância incidirá nas estradas onde é esperado mais tráfego, ou seja, as vias do sul e outras que dão acesso a zonas turísticas ou de divertimentos, como a serra da Estrela e o Algarve, ao contrário da época natalícia, onde os destinos preferidos são os do Norte do país, lembrou ao CM o tenente coronel Maia, da Brigada de Trânsito.

À semelhança da Operação Natal, a GNR espera alcançar um desfecho positivo no Ano Novo. Assim, a Guarda aconselha a que não se consuma álcool; a que se use o cinto de segurança e que se respeitem as regras de trânsito.

Entretanto, e também durante as festas de Ano Novo, oito militares do Regimento de Infantaria da GNR serão destacados para reforçar o patrulhamento nos postos territoriais de Sesimbra e Alfarim. Esta operação começará a meio da manhã de dia 30, estendendo-se até ao princípio da tarde de 1 de Janeiro.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)