Morte de estudante no Porto foi acidental

Família e amigos de Joel Rafael ouvidos pela PJ. Morte após festa universitária.
Por Tânia Laranjo|01.04.16
Fotogaleria: conheça o estudante que morreu no Porto
A Polícia Judiciária afasta a hipótese de homicídio na morte de Joel Rafael, o jovem de 20 anos, natural de Baião, que foi encontrado sem vida na madrugada desta sexta-feira depois de uma festa, junto à Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP).

Tudo indica que se tenha tratado de um acidente e que o jovem, alegadamente sob efeito de álcool, tenha caído e sofrido um traumatismo craniano.

O INEM ainda assistiu o jovem, que foi transferido para o Hospital de S. João, onde acabou por morrer. 

Família de estudante morto consternada na PJ
Joel Rafael, sabe o CM, não era aluno daquela unidade de ensino, mas sim do Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto (ISCAP), onde frequentava o ano zero.

Ministério do Ensino Superior lamenta a morte
O Ministério do Ensino Superior lamentou a morte de um estudante no Porto, frisando que condena "todo e qualquer tipo de violência" no interior ou exterior das instalações das instituições de ensino.



pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De maria.goncalves.75286101.04.16
    As nossas leis são demasiado brandas para esta gente .
1 Comentário
  • De maria.goncalves.75286101.04.16
    As nossas leis são demasiado brandas para esta gente .
    Responder
     
     46
    !