Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Estudantes rebentam bombas

Quatro adolescentes de 13, 14 e 15 anos foram identificados ontem pela PSP de Santarém, por suspeita de terem feito explodir pelo menos oito bombas de arremesso, usadas nas batidas às raposas. Um dos explosivos foi lançado numa escola e deixou uma funcionária em estado de choque, para além de causar alarme entre alunos, professores e funcionários.
9 de Novembro de 2007 às 00:00
Uma das bombas foi lançada na escola Sá da Bandeira
Uma das bombas foi lançada na escola Sá da Bandeira FOTO: João Nuno Pepino
Os rebentamentos registados pela PSP ocorreram na terça e na quarta--feira, mas já teria havido outros, na noite do halloween. Segundo o CM apurou, um dos adolescentes comprou, num estabelecimento situado nos arredores da cidade, uma embalagem com 100 bombas para rebentar na noite de 1 de Novembro. As que restaram foram usadas agora.
A compra por pessoas não autorizadas é punível com coimas entre 500 e 5 mil euros e a venda a menores de 18 anos ou por quem não tem carta de estanqueiro é punível com coimas entre 5 mil e 45 mil euros.
Os primeiros rebentamentos foram feitos na via pública, nas imediações da Escola Secundária Sá da Bandeira e não causaram quaisquer danos pessoais . Na quarta-feira, no interior da escola, uma aluna de 14 anos lançou uma bomba das escadas do primeiro andar para o corredor do piso térreo, numa altura em que ainda decorriam aulas. O estrondo resultante da explosão causou alarme entre a comunidade escolar e deixou em estado de choque uma funcionária, que teve de ser assistida no Hospital de Santarém.
VENDA RESTRITA
PUNÍVEL COM COIMA
A aquisição, posse e uso destas bombas de arremesso para fins diferentes dos que estão legalmente consagrados constitui uma contra-ordenação punível com coima.
AUTORIZAÇÃO
A única entidade em Portugal que pode autorizar a compra e o uso destes artefactos pirotécnicos é a Polícia de Segurança Pública.
PREÇO ACESSÍVEL
Estas bombas de arremesso são próprias para batidas às raposas e têm um preço acessível, podendo ser adquiridas por 12 cêntimos (mais IVA) a unidade.
PEQUENO RASTILHO
Parecem bombas de Carnaval e têm um pequeno rastilho que é ateado com um isqueiro ou um fósforo. São lançadas à mão e devem ser projectadas para longe.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)