Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Eurodeputado diverte-se com mujahedines

Um vídeo colocado no ‘site’ Youtube mostra o eurodeputado português Paulo Casaca numa festa de uma organização alegamente terrorista, o grupo Mujahedin do Povo, durante uma visita ao Iraque com o objectivo de lançar a plataforma ‘Iraque com um Futuro’.
20 de Janeiro de 2007 às 15:23
O vídeo divulgado, intitulado ‘Paulo Casaca dançando com terroristas’ (‘Paulo Casaca, Dancing With Terrorists’, no original), mostra o eurodeputado socialista a dançar com membros de um grupo que consta da lista de organizações terroristas da União Europeia (UE) e dos Estados Unidos da América (EUA).
Segundo a edição deste sábado do semanário ‘Expresso’, Paulo Casaca confirmou ter participado, entre 4 e 8 de Janeiro, em reuniões bilaterais em elementos da resistência iraniana, no Campo Ashrad, como dirigente da Associação Amigos do Irão.
O eurodeputado revelou não se sentir incomodado com as suas imagens a circular na Internet, mas defendeu que “o Tribunal de Justiça da União Europeia retirou o grupo da lista de organizações terroristas”, razão pela qual escreveu ao popular 'site' para que alterem o título do vídeo.
No entanto, de acordo com uma fonte do Conselho de Ministros da UE, o grupo Mujahedin do Povo “não saiu, nem vai ser retirado” da lista.
EURODEPUTADO TEME PELA SUA VIDA
Em declarações à rádio TSF,ao princípio da tarde, Paulo Casaca confessou ter receio pela sua vida, revelando que pediu ao ‘site’ de vídeos que retirasse as suas imagens da Internet.
O eurodeputado afirmou ainda considerar que houve um abuso da divulgação das imagens desde que teve no Iraque, no princípio do mês, reiterando que a organização Mujahedin do Povo não é um grupo terrorista.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)