Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Ex-futebolista acusado de ter agredido mulher

Arguido diz estar de consciência tranquila.
Liliana Rodrigues 16 de Junho de 2016 às 08:24
Eurico Gomes foi campeão  nacional  pelos três grandes
Eurico Gomes foi campeão nacional pelos três grandes FOTO: Ricardo Meireles
Eurico Gomes, o ex-futebolista que foi campeão nacional pelo Benfica, FC Porto e Sporting, foi acusado pelo Ministério Público do Porto de um crime de ofensa à integridade física sobre uma mulher.

O caso remonta à madrugada de 22 de novembro de 2014, quando o atual comentador desportivo, de 60 anos, estava no bar Memorys Club, na avenida da Boavista, no Porto - que pertence à sua mulher.

Durante uma discussão com uma cliente, devido a uma alegada dívida de 30 euros por parte daquela, "a agarrou pelos braços, apertando-os. De seguida, puxou-a pelo braço esquerdo e puxou-a para o exterior do estabelecimento", pode ler-se na acusação, cujo procurador considera que o arguido atuou com o propósito de "molestar a ofendida no seu corpo e na sua saúde".

Contactado pelo CM, Eurico Gomes disse não ter sido ainda notificado da acusação, efetuada na segunda-feira. "Na altura, fui provocado para tentar que eu fizesse alguma asneira. Mas estou de consciência tranquila e tenho clientes que viram tudo e são testemunhas no caso", rematou o antigo futebolista.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)