Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Explosão de gás deixa tia e sobrinho gravemente feridos em Valongo

Rés do chão da moradia ficou totalmente destruído.
Fátima Vilaça e Paulo Jorge Duarte 25 de Janeiro de 2021 às 09:08
Habitação ficou destruída pela explosão em Valongo
Habitação ficou destruída pela explosão em Valongo FOTO: CMTV
Tia e sobrinho, de 60 e 24 anos, respetivamente, ficaram gravemente feridos numa violenta explosão de gás, domingo de manhã, em Campo, Valongo.

Os dois familiares, únicos moradores da casa de dois andares, foram retirados pelos vizinhos da habitação em chamas. Estão ambos em estado grave, internados na Unidade de Cuidados Pós-Anestésicos do Hospital Santos Silva, em Vila Nova de Gaia.


A mulher sofreu vários traumatismos, além das queimaduras nas pernas, e o sobrinho teve que ser entubado, já no hospital, devido às queimaduras que sofreu nas vias respiratórias.

A violenta explosão, que se terá ficado a dever a uma fuga de gás na cozinha, destruiu por completo as paredes do rés do chão da moradia com dois andares.

Os destroços da explosão ficaram espalhados ao longo de metros. Após a extinção do incêndio, técnicos da Proteção Civil Municipal de Valongo estiveram no local a fazer a estabilização da estrutura, que ficou em risco de ruína.

O incidente, cerca das 09h15, alarmou os vizinhos. “Estava a dormir e fui acordado pelo estrondo. Abri a porta e vi tudo a arder. Viemos logo ver o que se passava e a nossa preocupação foi tentar salvar as pessoas que estavam no interior”, relatou ao CM um morador da rua do Calvário, onde aconteceu a explosão.

“À nossa chegada as duas vítimas estavam no exterior, com algumas queimaduras e ferimentos visíveis”, referiu Bruno Oliveira, segundo comandante dos bombeiros de Valongo. No local estiveram duas equipas médicas do INEM, do Hospital de S. João e do Hospital de Vila Nova de Gaia, que acompanharam as vítimas até ao Hospital de Gaia, onde foram entubadas devido às queimaduras nas vias aéreas. O estado clínico de tia e sobrinho é estável, mas inspirava este domingo cuidados.
Valongo Vila Nova de Gaia acidentes e desastres Unidade de Cuidados Pós-Anestésicos do Hospital Santos Silva
Ver comentários