Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Explosão fere três

Uma explosão de gás canalizado num prédio de onze andares, na Avenida da Guiné-Bissau, em Setúbal, causou ontem ferimentos graves numa mulher de 70 anos. O marido da vítima e outro homem também necessitaram de receber tratamento médico. A PJ de Setúbal recolheu uma série de vestígios fundamentais para a abertura de um inquérito.
8 de Setembro de 2005 às 00:00
 A mulher foi evacuada através de uma auto-escada dos bombeiros e transportada para o hospital
A mulher foi evacuada através de uma auto-escada dos bombeiros e transportada para o hospital FOTO: Jorge Godinho
Em primeira análise, a explosão ficou a dever-se à perfuração de um tubo de gás canalizado. O imprevisto aconteceu pelas 11h30, no 8.º andar do n.º 17 da Avenida da Guiné-Bissau.
“Aparentemente, tudo se deveu à acção dos trabalhadores de uma empresa contratada pela administração do condomínio para a instalação de protecções para as ligações de televisão por cabo”, disse José Luís Bucho, responsável pela Protecção Civil na Câmara de Setúbal. Ao verificarem a fuga de gás, os trabalhadores tentaram fechar todas as torneiras de gás do prédio. Mas sem sucesso.
“A única saída possível foi chamar os bombeiros”, acrescentou José Luís Bucho. De imediato foram mobilizados cerca de 50 bombeiros, sapadores e voluntários.
No entanto, no preciso momento em que a ajuda chegou, deu-se a explosão, aparentemente detonada pelo acendimento de um fogão doméstico.
Fernanda Pinto, de 70 anos, foi a ferida mais grave. Com queimaduras graves em 70% do corpo, foi levada para o Hospital de Setúbal e transferida para Santa Maria, em Lisboa. Joaquim Cordeiro, o marido, e outro morador, ficaram feridos sem gravidade.
O rebentamento causou danos, exteriores e interiores, entre o 6.º e o 9.º andar do prédio. A Polícia Judiciária e a Protecção Civil de Setúbal abriram inquéritos separados à ocorrência.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)