Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Fabricante do medicamento que pode salvar Matilde acusado de manipulação de dados

FDA afirma que dados imprecisos não afetaram a segurança e eficácia daquele tratamento.
Correio da Manhã 14 de Agosto de 2019 às 19:57
Bebé Matilde
Bebé Matilde
Bebé Matilde
Bebé Matilde
Bebé Matilde
Bebé Matilde
Bebé Matilde
Bebé Matilde
Bebé Matilde

A farmacêutica Novartis, entidade que fabrica o Zolgensma, o medicamento que precisa a bebé Matilde e que é destinado a doentes com Atrofia Muscular Espinhal, está acusada de ter ocultado e manipulado os dados que forneceu à Autoridade Americana do Medicamento.

A informação é avançada pelo jornal The New York Times. De acordo com a publicação, a farmacêutica que fabrica o Zolgensma ocultou dados manipulados à Autoridade Americana do Medicamento enquanto solicitava a aprovação desse medicamento, que seria finalmente aprovado em maio, convertendo-se naquele que é o remédio mais caro do mundo.

Segundo a Autoridade Americana do Medicamento (FDA, sigla norte-americana), os dados imprecisos não afetaram a segurança e eficácia daquele tratamento, mas, se tivessem sido identificados, teria atrasado a aprovação do Zolgensma.

The New York Times explica que os valores manipulados dizem respeito a testes realizados a ratos de laboratório com duas dosagens diferentes do tratamento.

Depois de a acusação em causa ser noticiada, a FDA já veio assegurar que os pacientes a quem o medicamento já foi ou vai ser administrado, não estão em risco.

Recorde que o País ficou a conhecer o medicamento Zolgensma, que custa quase dois milhões de euros, depois de ter ficado conhecido o caso da bebé Matilde, a menina que sofre de atrofia muscular espinhal.

Os pais da bebé Matilde conseguiram angariar o dinheiro necessário para a administração do medicamento, no entanto ainda faltava a aprovação da Agência Europeia de Medicamentos, pois apenas a Autoridade Americana do Medicamento tinha dado luz verde.

Matilde começou a ser então medicada com Spinraza, um medicamento que já existe em Portugal e que ajudaria a "travar" a doença. Foi depois de a administração do medicamento ser autorizada pelo Infarmed que a bebé Matilde e os pais foram informados de que a menina pode receber o Zolgensma no próximo dia 27 de agosto. 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)