Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Falsificava cartões

Copiava a banda magnética de cartões bancários americanos para vários ‘gift cards’ – que não têm qualquer identificação e funcionam como cartões de crédito normais. O esquema servia para concretizar compras de milhares, e o autor do crime, um homem, de nacionalidade romena e de 30 anos, já estava sob investigação da PJ há pelo menos dois meses. Foi detido anteontem, à saída de uma loja no shopping Dolce Vita, no Porto. Só naquele dia, já tinha despendido 1200 euros.
2 de Março de 2013 às 01:00

A Judiciária acredita que o detido faz parte de uma rede organizada oriunda do Leste da Europa, e que se dedica a falsificar cartões bancários. As bandas magnéticas originais eram copiadas e depois colocadas nos cartões contrafeitos e, sem qualquer identificação, o homem passava despercebido nas lojas onde fazia compras.

Antes de ser apanhado pela PJ, o homem gastou 600 euros numa luxuosa loja de vestuário. Depois, comprou mais 600 euros em perfumes. Foi detido à saída da perfumaria.

Tinha mais dez cartões além daquele que usou nas compras fraudulentas – e todos com saldos elevados. Depois de ouvido em primeiro interrogatório, ficou em prisão preventiva.

porto falsificação cartões roupa perfumes
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)