Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Falsos clientes roubam taxista

Fizeram-se passar por clientes e pediram para o taxista os levar para Vila do Conde. Quase a chegar ao destino, a dupla disse ao motorista para sair da A28 e parar assim que possível. Foi então que o ameaçaram com uma chave de fendas e o obrigaram a entregar o telemóvel e todo o dinheiro, cerca de 40 euros. Depois, fugiram a pé.
4 de Julho de 2012 às 01:00
Marcelo Correia foi assaltado depois de transportar dois homens até Vila do Conde
Marcelo Correia foi assaltado depois de transportar dois homens até Vila do Conde FOTO: Amândia Queirós

O assalto aconteceu anteontem à noite. Os dois ladrões abordaram o taxista na rua do Lugarinho, no Porto, e iniciaram uma viagem até Vila do Conde. "No início, não desconfiei que me iam assaltar. Eram dois jovens, com cerca de 25 anos. Só quando me pediram para parar repentinamente é que desconfiei", começou por contar ao CM Marcelo Correia, de 40 anos, que foi assaltado na rua de Pigeiros, em Touguinha.

"Quando parei, um deles agarrou-me logo pela camisola e disse: ‘Passa para cá todos os pertences que nós não te fazemos mal’. Apontou-me um objecto que me pareceu ser uma chave de fendas. Assustado, dei logo tudo o que tinha", frisou o motorista, cujo taxímetro marcava 39, 35 euros.

Marcelo nunca reagiu e só chamou a GNR alguns minutos depois. "Estava nervoso, mas senti que eles também estavam. Pelo menos, não me fizeram mal. Ir para Vila do Conde é sempre perigoso. Vários colegas meus são roubados lá", observou o taxista, que foi assaltado pela primeira vez. 

VILA DO CONDE TAXISTA ROUBO TELEMÓVEL DINHEIRO
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)