Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Falsos sobrinhos espancam idoso

Um casal bateu à porta de casa de Domingos Sequeira, na Rua Santo André, em Semelhe, Braga.
24 de Agosto de 2011 às 00:30
Rosa Maria, vizinha do idoso, diz que o casal sabia onde a vítima tinha o dinheiro e o ouro
Rosa Maria, vizinha do idoso, diz que o casal sabia onde a vítima tinha o dinheiro e o ouro FOTO: Nuno Fernades Veiga

O septuagenário, que vive sozinho, acreditou quando os ladrões disseram ser seus sobrinhos, e deixou-os entrar. A vítima foi amarrada à cama e espancada durante uma hora. A dupla fugiu com seis mil euros e todo o ouro que estava em casa. O idoso está internado.

A pequena localidade está em choque com o que aconteceu domingo à tarde. Arlindo Rodrigues, de 74 anos, viu o casal a chegar, e, apesar de não o conhecer, admite não ter desconfiado de nada. "A mulher trazia um bebé ao colo, mas era falso. Eles até sabiam que os portões têm um fecho escondido. O homem disse ao Domingos que era o sobrinho de França, e entraram", disse.

Uma hora depois, Arlindo viu o vizinho, que se conseguiu soltar, sair de casa e pedir socorro. Tinha as roupas ensanguentadas e marcas de grande violência no corpo. Rosa Maria, que cuida de Domingos Sequeira há cinco anos, revela que os ladrões sabiam exactamente onde estava o ouro, e confirmou ao CM que a vítima tinha uma sobrinha residente em Braga, com quem tinha retomado contacto recentemente. "Pode ser coincidência, mas ela almoçou lá várias vezes nas últimas semanas. O Domingos tem vários sobrinhos em França, mas nem os conhece", rematou. A investigação está entregue à Policia Judiciária de Braga.

ESPANCADO BRAGA AGRESSÃO
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)