Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Falta de visitas revolta reclusos em várias prisões do País

Presos recusaram regressar às celas devido à greve dos guardas.
Miguel Curado 22 de Setembro de 2019 às 09:49
Prisão
Grades de Prisão
Prisão
Grades de Prisão
Prisão
Grades de Prisão
Reclusos das cadeias de Sintra, Lisboa e Caldas da Rainha revoltaram-se sexta-feira e sábado, quando se aperceberam de que não teriam visitas no fim de semana devido à greve dos guardas prisionais.

Na prisão de Sintra, dezenas de reclusos da ala A recusaram-se a serem fechados nas celas, ao saberem que a greve dos guardas, iniciada na sexta-feira e que acaba esta segunda-feira, impede as visitas.

Só uma hora depois é que os guardas os convenceram a entrarem nas celas. Sábado de manhã, foi a vez dos reclusos da ala B da cadeia de Lisboa. Informados de um plenário sindical, recusaram voltar às celas.

Na prisão das Caldas da Rainha, um caixote do lixo foi incendiado pelo mesmo motivo, com familiares a exigirem entrarem para as visitas. A ação dos guardas resolveu os impasses.
País Sintra Lisboa Caldas da Rainha crime lei e justiça prisão
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)