Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Família de Gisberta pede indemnização

A família do transexual brasileiro Gisberta, que morreu em Fevereiro num fosso de um prédio inacabado do Porto, depois de ter sido maltratado por 13 menores, vai exigir uma indemnização ao Estado português.
31 de Agosto de 2006 às 11:18
A família da vítima enviou para o Porto uma procuração que autoriza a advogada do Consulado do Brasil naquela cidade a accionar o Fundo de Protecção das Vítimas de Crimes Violentos, de acordo com Janice Salce, irmã da vítima, em declarações via telefone a partir de S. Paulo, no Brasil, segundo avança a rádio 'TSF'.
Entretanto, o advogado de um dos 13 menores condenados pela morte de Gisberta, Pedro Mendes Ferreira, disse estar ainda a preparar um pedido de indemnização ao Estado, em processo cível, mas não avançou o valor a pedir nem a data em que a acção dará entrada em tribunal.
Os 13 menores envolvidos no caso estavam sob o acolhimento da Oficina S. José, instituição tutelada pela Igreja Católica. Os jovens foram condenados a penas até 13 meses de internamento em regime semi-aberto.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)