Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

FARO E ÉVORA PODEM RECEBER HOSPITAL UNIVERSITÁRIO

As cidades de Faro e Évora poderão vir a receber um hospital universitário. A hipótese foi avançada, esta segunda-feira, pela ministra da Ciência e do Ensino Superior, Maria da Graça Carvalho, na inauguração de dois edifícios da Universidade do Algarve.
7 de Junho de 2004 às 16:52
A ministra admite a possibilidade de criar uma faculdade de medicina no Algarve. No pacote dos 10 novos hospitais já anunciados pelo Governo, dois serão hospitais universidades.
“O que está delineado são dois hospitais (universitários), um no primeiro conjunto de hospitais novos outro no segundo grupo”, disse a titular da pasta. O primeiro hospital universitário vai ser em Lisboa e o segundo “poderá ser em Évora ou Faro, mas isso será o ministério da Saúde a decidir”, acrescentou Maria da Graça Carvalho.
O reitor Adriano Pimpão acredita que Faro tem hipóteses porque Évora não tem mostrado interesse no projecto. “Não há notícia de interesse por parte dessa região, mas claro que todas as universidade podem concorrer. Nós achamos que o Algarve reúne as condições, não só a nível de ensino mas porque vai ter um novo hospital”, disse o reitor.
Ver comentários