Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Homem morre a fazer inversão de marcha na A2

Manuel Casaca, de 75 anos, residia na Amadora.
Pedro Galego e Joaquim Bernardo 24 de Agosto de 2018 às 10:31
Vítima mortal seguia ao volante de uma pick-up, em contramão
GNR
GNR
GNR
Vítima mortal seguia ao volante de uma pick-up, em contramão
GNR
GNR
GNR
Vítima mortal seguia ao volante de uma pick-up, em contramão
GNR
GNR
GNR
O homem, de 75 anos, que morreu na noite quarta-feira após uma colisão no sentido norte/sul da A2, na zona de Ferreira do Alentejo, terá feito inversão de marcha na própria via.

Manuel Casaca estava em contramão, mas a distância para os nós mais próximos do local do acidente (Grândola Sul e Aljustrel) - cerca de 15 quilómetros para cada, revela que não terá sido um engano na entrada da autoestrada a levar o homem a circular em sentido contrário.

Esta é uma das linhas investigadas pelas autoridades, que foram ao local, o km 138 da autoestrada do sul, pelas 21h18 de quarta-feira, confirmou ao CM fonte da GNR.

A vítima mortal era residente na Amadora e seguia ao volante de uma pick-up. Colidiu frontalmente com um carro, cujo condutor ficou ferido, embora sem gravidade, e foi assistido no Hospital do Litoral Alentejano, em Santiago do Cacém.

PORMENORES 
Autópsia
O corpo da vítima mortal foi encaminhado para o serviço de Medicina Legal do hospital de Beja, para ser autopsiado.

Meios
Nas operações participaram 17 operacionais, apoiados por oito viaturas, entre bombeiros, INEM, GNR e elementos da concecionária da autoestrada.

Estrada
A A2 esteve cortada entre os nós de Grândola Sul e Aljustrel, no sentido norte/sul, durante várias horas devido ao acidente. A circulação fez-se pelo IC1.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)