Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Ferido no incêndio de Pedrógão vai ser operado em Espanha

Homem de 40 anos vai fazer um transplante de pele numa unidade hospitalar de Valência.
Luís Oliveira 10 de Julho de 2017 às 10:19
Pedrógão Grande
Fogo em Pedrógão
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Área florestal
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Roupa amontoada para ser distribuída pelas vítimas.
Pedrógão Grande
Fogo em Pedrógão
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Área florestal
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Roupa amontoada para ser distribuída pelas vítimas.
Pedrógão Grande
Fogo em Pedrógão
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Área florestal
Fogo destruiu quase toda a área florestal de Pedrógão Grande
Roupa amontoada para ser distribuída pelas vítimas.
Um homem de 40 anos que ficou ferido com gravidade quando ajudava a combater o fogo de Pedrógão Grande foi transferido do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra para a unidade de queimados de um hospital de Valência, em Espanha, onde vai ser sujeito a um tratamento de transplantação de pele.

"É um homem residente em Lisboa que estava a passar o fim de semana em Pedrógão Grande e foi ajudar a combater o fogo. Foi apanhado pelas chamas e ficou ferido com muita gravidade", disse ao CM Valdemar Alves, presidente da Câmara de Pedrógão Grande. O autarca adiantou que, do seu concelho, "ainda está internada uma dezena de pessoas", mas, segundo a indicação dos médicos, "nenhuma correrá risco de vida".

Valdemar Alves refere ainda que a autarquia criou o Gabinete Operacional de Recuperação e Reconstrução. "Todas as pessoas afetadas pelo fogo podem ligar para um número de apoio - 800 209 923 - e serão encaminhadas e ajudadas por técnicos de diversas áreas", diz o autarca.

O incêndio de Pedrógão Grande alastrou-se a seis concelhos e provocou a morte a 64 pessoas e ferimentos em mais 250.

Ex-ministro nega contratos informais  
Rui Pereira, ministro da Administração Interna entre maio de 2007 e junho de 2011, afirmou ontem que a alteração contratual introduzida ao SIRESP, enquanto exerceu funções, foi "legal" e permitiu poupar "mais de 13,5 milhões", refutando uma notícia avançada pelo ‘Público’ na qual se referia que o SIRESP "funcionou oito anos com contratos informais".

A decisão foi "sustentada em pareceres favoráveis da Inspeção-Geral de Finanças".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)