Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Feridos em fogo pedem 147 mil €

Quatro pessoas que ficaram feridas numa violenta explosão de fogo-de-artifício na praia da Figueira da Foz, nas festas da cidade, em 2005, reclamam em tribunal 147 mil euros de indemnização. O caso começa a ser julgado na quinta-feira no Tribunal Administrativo e Fiscal de Coimbra e conta com cinco réus: a empresa municipal Figueira Grande Turismo (FGT) – promotora dos festejos –, duas empresas de pirotecnia (uma portuguesa e outra espanhola) e duas seguradoras.

1 de Outubro de 2012 às 01:00
Caso chega a tribunal
Caso chega a tribunal FOTO: direitos reservados

Os quatro autores da acção são três homens e uma mulher – uma antiga trabalhadora têxtil, um estudante, um ajudante de pedreiro e ainda um impressor gráfico –, todos eles residentes na Figueira da Foz, que reclamam valores de indemnização entre os 20 mil euros e os 46 mil, e que os réus sejam solidariamente condenados num valor total de quase 147 mil euros, acrescidos de juros.

O acidente ocorreu na noite de S. João, ao que tudo indica devido a uma falha técnica, tendo causado um total de 51 feridos. Apenas quatro vítimas avançaram para tribunal.

FIGUEIRA DA FOZ FOGO INCÊNDIO FERIDOS
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)