Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Festival da cerveja está em risco

A 30.ª edição do Festival da Cerveja, um dos mais antigos certames do Algarve, poderá estar comprometida. Aquela festa costuma realizar- -se em Julho e a crise directiva do clube organizador, o Silves, deve ficar resolvida apenas a 22 deste mês, embora Francisco Matos já se tenha disponibilizado para assumir a liderança.
1 de Junho de 2007 às 00:00
Certame está comprometido
Certame está comprometido FOTO: Geoff Caddick, Epa
“Vamos ver se ainda é possível encontrar uma solução, optando, talvez, por um certame mais modesto e que conserve o essencial das raízes populares do festival”, refere João Encarnação, presidente cessante do Silves.
A última assembleia geral, anteontem, foi inconclusiva mas, já depois da reunião, Francisco Matos disponibilizou-se para liderar uma lista e conta com a ajuda de João Encarnação nesta fase de transição.
A presidente da Câmara de Silves, Isabel Soares, também está preocupada com a possível interrupção do certame. “Nesta altura do ano já tudo costuma estar a postos e há um atraso preocupante. Vou falar com as pessoas ligadas ao clube, no sentido de saber o que poderemos fazer. Talvez a solução passe pelo adiamento para Setembro, a fim de Silves não perder um dos seus principais cartazes.”
Face à disponibilidade de Francisco Matos (antigo presidente da Câmara) para assumir a presidência do Silves, já ontem começaram a ser dados os primeiros passos relativos à próxima época desportiva do clube, que voltará a militar na série F da 3.ª Divisão. A renovação com o técnico Arménio Guerreiro é a prioridade, seguindo-se negociações com diversos jogadores que constituem a espinha dorsal do conjunto da antiga capital do Algarve.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)