Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Fiéis Defuntos hoje assinalado

São três milhões de fiéis, segundo as estimativas da Igreja Católica, que no início de Novembro recordam os que partiram com uma deslocação ao cemitério para a colocação de flores nas sepulturas.
2 de Novembro de 2009 às 00:30
Tradição católica leva cerca de três milhões de portugueses a colocar flores nos cemitérios
Tradição católica leva cerca de três milhões de portugueses a colocar flores nos cemitérios FOTO: Natália Ferraz

A tradição católica levou a que esta prática, que é hoje assinalada no Dia dos Fiéis Defuntos, fosse também realizada ontem, Dia de Todos-os-Santos. A escolha do 1 de Novembro resulta deste dia ser feriado, o que dá mais tempo para uma deslocação à última morada dos entes queridos.

Em Lisboa, apesar da crise com a consequente redução do número de flores colocadas nas campas, foram milhares os que ontem se deslocaram aos cemitérios.

No cemitério de Benfica, um dos maiores da capital, Dina Moreira cumpriu um costume que todos os anos pratica e dedicou o dia para visitar a sepultura da avó, do irmão, do pai e do sogro. Residente em Algueirão (Sintra) disse que é desta forma que gosta de passar o 1 de Novembro. Também com um braçado de flores, Rosalina Almeida, residente em Odivelas, deslocou-se ao cemitério da capital para ver a sepultura do irmão. "Entendo que esta é uma forma de homenagem aos que partiram", referiu.

Ontem, o Papa Bento XVI, durante a homilia Angelus na Praça de São Pedro, no Vaticano, lembrou que no dia de hoje "é importante rezar pelos falecidos, oferecendo actos de fé, de esperança e caridade".

CRISE TRAVA VENDA DE FLORES

A crise é para todos a principal responsável pela quebra na venda de flores no feriado de Todos-os--Santos. Ontem, nos cemitérios de Benfica e dos Olivais, as floristas confirmaram as piores previsões, sublinhando não haver memória de um ano assim. O ramo das margaridas custava cinco euros, mas a maioria optava por comprar gerbérias à unidade, por 50 cêntimos cada. Lúcia Araújo, floristas nos Olivais, comentava: "O negócio está péssimo".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)