Filha descobre corpo de idoso assassinado

Vitorino Guerreiro, 89 anos, encontrado no chão do quarto, agredido e atingido com várias facadas.
Por Miguel Curado|14.03.18
Um idoso de 89 anos, que vivia sozinho num apartamento do bairro social Portugal Novo, nas Olaias, em Lisboa, foi esta terça-feira morto à facada no quarto da residência. A vítima foi assassinada momentos depois de ter regressado do café, e o cadáver foi descoberto pela filha, que alertou as autoridades policiais. A PJ investiga.

Homem encontrado morto com sinais de agressão em Lisboa
Vitorino Guerreiro foi visto pela última vez por vizinhos pelas nove da manhã de terça-feira. "Ele estendeu a roupa no estendal em frente à porta de casa, e foi depois ao café, no centro comercial das Olaias", disse ao CM uma vizinha do idoso. O homem de 89 anos terá depois regressado a casa, um 2º andar na rua Wanda Ramos, e já não voltou a sair. A filha, que o visitava com frequência, terá tentado, sem sucesso, entrar em contacto telefónico com o progenitor.

Alarmada, a mulher deslocou-se à residência, da qual tinha a chave, e entrou. Deparou-se com o cadáver de Vitorino Guerreiro, no chão do quarto. Além de sinais de agressão, tinha várias facadas pelo corpo.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!