Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Filmava meninos nus através do Facebook

Investigadores suspeitam que há mais vítimas, que não denunciaram por vergonha.
Liliana Rodrigues 7 de Outubro de 2017 às 01:30
Computadores
Menores
Menores
Menor
Computadores
Menores
Menores
Menor
Computadores
Menores
Menores
Menor
Há vários meses que utilizava o Facebook para satisfazer as suas taras sexuais: filmar e fotografar meninos sem roupa e partilhar essas imagens com outros menores, sempre nas redes sociais.

O pedófilo, de 25 anos, vive em Amares e foi detido em flagrante pela Polícia Judiciária de Braga, quarta-feira à noite, na posse de milhares de imagens de cariz sexual com crianças.

O arguido está indiciado por pornografia de menores e foi ontem levado a tribunal. Mas o juiz libertou-o, proibindo-o de contactar as vítimas e também de se aproximar de escolas e recintos desportivos. Tem ainda de se apresentar duas vezes por semana no posto da GNR.

Há várias queixas feitas na polícia, contudo, os investigadores suspeitam de que pode haver mais vítimas, que não apresentaram queixa por vergonha ou medo.

O pedófilo, que trabalhou na construção civil mas está desempregado, utilizava o seu perfil verdadeiro de Facebook para ganhar a confiança dos meninos, com idades a rondar os 12 anos.

Rapidamente se tornava num amigo virtual das crianças, as quais fazia acreditar que era normal fazerem fotografias sem roupa ou deixarem-se filmar através da ‘webcam’ quando estavam nus.

Alguns chegaram a aceder a simularem cenas sexuais, enviando as imagens para o pedófilo.

Na busca domiciliária ao predador, apreenderam-lhe todo o material informático que tinha em casa que vai ser alvo de perícia para perceber com quem partilhou as imagens.
Polícia Judiciária de Braga Facebook juiz Amares GNR crime lei e justiça polícia questões sociais tribunal
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)