Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Fogo de 2012 em Tavira continua sem culpados

Pedido de indemnização espera por sentença do juiz.
Tiago Griff 2 de Outubro de 2019 às 08:29
Fogo de 2012 em Tavira continua sem culpados
Fogo em Tavira continua sem culpados
Fogo de 2012 em Tavira continua sem culpados
Fogo em Tavira continua sem culpados
Fogo de 2012 em Tavira continua sem culpados
Fogo em Tavira continua sem culpados

Os 205 lesados do grande incêndio de 2012, que destruiu 26 mil hectares de terrenos no interior dos concelhos de Tavira e São Brás de Alportel, continuam a aguardar pela sentença do processo cível que exige uma indemnização pelos estragos sofridos.

As sessões do julgamento já terminaram, mas ainda não há data para a sentença.

"É um processo complexo, com muita prova para se averiguar em termos de testemunhas, documentos, perícias... Ainda não há uma data definida para a sentença ser divulgada", assumiu ao CM Paulo Martins, advogado dos lesados.

Segundo as contas das autarquias dos dois concelhos, o incêndio provocou mais de 24 milhões de euros em prejuízos.

Este processo tem como alvo a EDP, uma vez que o incêndio começou perto do local onde a empresa estava a instalar um poste que hoje serve de ligação entre as torres eólicas e a rede elétrica.

São Brás de Alportel Tavira crime lei e justiça punição / sentença
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)