Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Fogo destrói armazém no Porto

Um incêndio num armazém de material eléctrico na Rua de Santo Ildefonso, no Porto, causou grande aparato de bombeiros e forças policiais, levando a uma paralisação do trânsito que gerou grande confusão na cidade.
10 de Novembro de 2007 às 00:00
Informações contraditórias dos populares confundiram bombeiros
Informações contraditórias dos populares confundiram bombeiros FOTO: Álvaro C. Pereira
O sinistro ocorreu pelas 09h25 e as dificuldades nos primeiros momentos de combate foram resultado das informações contraditórias de populares. O que confundia era o facto de o armazém estar praticamente no centro do quarteirão delimitado pelas ruas Coelho Neto e Fernandes Tomás. “Tive que lidar com a confusão e dirigir os meus homens para um combate eficaz”, resumiu ao CM o subchefe António Oliveira, dos Sapadores do Porto, que destacou para o local 18 homens e cinco viaturas.
O armazém ficou completamente destruído e chegou a ameaçar a oficina da VW e duas instituições de ensino vizinhas.
Ver comentários