Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Fogo destrói fábrica na Maia

Um incêndio de grandes proporções lavrava ontem à noite nos armazéns da Chemilatex, uma fábrica desactivada de fiação, situada na zona industrial de Moreira da Maia.
23 de Julho de 2010 às 01:00
O fogo ameaçava atingir fábrica de automóveis
O fogo ameaçava atingir fábrica de automóveis FOTO: Diogo Pinto

O fogo foi detectado pelas 19h00 pelos moradores das imediações, mas a rápida intervenção dos bombeiros não permitiu salvar o edifício que ontem estava já completamente destruído. "Vi o fumo e vim a correr. Quando cheguei as chamas já eram maiores do que o armazém. Os bombeiros vieram rapidamente mas já estava incontrolável", disse ao CM Sandra Raposo. Pelas 22h00 as chamas estavam dominadas, após terem ameaçado um outro armazém contíguo. "A nossa maior preocupação é evitar maiores prejuízos", disse ao CM o comandante dos Bombeiros de Valongo. A fábrica era usada como depósito de máquinas e alguns materiais de outra fábrica. As causas do incêndio eram ontem desconhecidas.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)