Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Fogo em carro vinga morte de cão no Porto

Casal ajudou animal após atropelamento. Dono, um sem-abrigo, não perdoou.
Ana Silva Monteiro 18 de Março de 2019 às 01:30
PSP em operação noturna
PSP
PSP
PSP
PSP
PSP
PSP
Polícia de Segurança Pública
PSP
Polícia
PSP em operação noturna
PSP
PSP
PSP
PSP
PSP
PSP
Polícia de Segurança Pública
PSP
Polícia
PSP em operação noturna
PSP
PSP
PSP
PSP
PSP
PSP
Polícia de Segurança Pública
PSP
Polícia
Um carro foi incendiado na noite de sábado na avenida Marechal Gomes da Costa, no Porto, e as primeiras suspeitas apontam para um vingança pelo atropelamento de um cão.

O dono do animal, um sem-abrigo, ao perceber que o seu cão tinha morrido à porta de um veterinário, tentou agredir o casal envolvido no acidente. Os dois fugiram, mas, quando voltaram, o veículo já estava em chamas. A PSP foi chamada ao local.

Foi pelas 21h00 que o casal, que viajava naquela avenida, atropelou o cão. Rapidamente, pararam o carro e tentaram socorrer o animal, levando-o, assim como ao dono, até às instalações de uma clínica veterinária.

Chegados ao local, tocaram à campainha, mas a clínica não possui serviço de urgência. Sem assistência, o cão acabou por morrer. Fora de si, o sem-abrigo começou agredir o casal, que se viu obrigado a escapar.

Minutos mais tarde, o carro começou a arder. Os proprietários chamaram as autoridades, que suspeitam que o fogo tenha sido ateado pelo sem-abrigo, que acabou por ser identificado. Os Sapadores do Porto estiveram no local. Apesar do esforços, o carro ficou destruído.
Sapadores do Porto avenida Marechal Gomes da Costa Porto PSP PSP sem-abrigo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)