Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Rui Pinto recusa tirar a máscara para ser identificado por testemunha durante julgamento

Hacker responde pela prática de 90 crimes, entre os quais tentativa de extorsão.
Débora Carvalho 21 de Janeiro de 2021 às 11:07
Rui Pinto
Rui Pinto FOTO: David Cabral Santos
Rui Pinto recusou esta quinta-feira retirar a máscara em julgamento, por razões sanitárias.

O objetivo era que uma testemunha, ouvida por videoconferência, confirmasse a identidade do pirata informático.

O tribunal estava a inquirir o antigo senhorio de Rui Pinto, o húngaro Bálint Bozó, quando a Procuradora da República, Marta Viegas, pediu que a testemunha reconhecesse o arguido.

Chamado ao centro da sala de audiências, Rui Pinto entendeu que, mediante das normas da DGS, não devia retirar a máscara.

Acabou por ser exibida à testemunha uma fotografia a cores do pirata informático.

Rui Pinto responde pela prática de 90 crimes, entre os quais tentativa de extorsão.
Rui Pinto questões sociais crime lei e justiça julgamentos. football leaks
Ver comentários