Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Fraude com cartões

As autoridades norte-americanas detectaram esta semana um esquema de fraudes com cartões Visa e MasterCard, anunciaram ontem as duas instituições financeiras. De acordo com as duas maiores empresas de cartões de crédito a nível mundial, a quebra de segurança afectou cerca de 13,9 milhões de cartões MasterCard e 22 milhões de cartões Visa.
19 de Junho de 2005 às 00:00
Vinte e dois milhões de cartões Visa foram afectados pela burla
Vinte e dois milhões de cartões Visa foram afectados pela burla FOTO: Marques Valentim
Sem revelarem os montantes envolvidos ou quais os países de origem dos cartões, os dois grupos adiantaram que as fraudes foram cometidas nos escritórios de Tucson, Estados Unidos, da CardSystems Solutions, uma empresa de processamento de transacções a favor das instituições financeiras e dos comerciantes.
A própria CardSystems Solutions informou ter detectado as fraudes a 22 de Maio, data em que alertou o FBI que desde então tem vindo a investigar a situação. Por enquanto ainda não se sabe se as fraudes foram cometidas por algum funcionário desta empresa ou por um ‘hacker’.
Como a detecção das fraudes é extremamente difícil para a empresa, a MasterCard apelou a todos os titulares dos seus cartões de crédito que detectem cobranças indevidas nas respectivas contas para contactarem de imediato a empresa de modo a não serem considerados responsáveis por essas despesas.
Tanto a MasterCard, como a Visa já avisaram as instituições financeiras com quem trabalham nos diversos países para que estas reforcem a segurança dos cartões que movimentam com vista a evitar mais falhas.
ESQUEMA SEM REFLEXOS EM PORTUGAL
A fraude com cartões de crédito Visa e MasterCard não terá reflexos em Portugal. O CM contactou responsáveis da Unicre, que em Portugal gere a rede Visa, que adiantou tratar-se de um problema “com uma companhia – a CardSystems – que gere cartões para pequenas instituições financeiras que não têm capacidade de ter um esquema próprio de oferta de cartões de crédito”.
A CardSystems opera como uma terceira entidade que gere os cartões, cobra anuidades e emite facturas em nome dos pequenos bancos. “Estamos a falar de um caso localizado dentro dos Estados Unidos que, certamente, não terá reflexos fora daquele mercado”, adiantaram as mesmas fontes. Em Portugal nenhum banco trabalha com a empresa CardSystems.
Para já não existiu qualquer alerta emitido pela Visa Internacional ou pela Mastercard, e o próprio FBI refere que as investigações continuam apenas em território americano.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)