Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

FRESCURA ADIADA

O ministro da Saúde admitiu ontem que os sete hospitais a serem apetrechados com um sistema de climatização não estarão prontos a funcionar no Verão. A confissão surgiu durante a apresentação, em Lisboa, do Plano de Contingência de Combate às Ondas de Calor.
5 de Maio de 2004 às 00:00
Luís Filipe Pereira justificou o atraso da seguinte maneira: “Há regras e prazos a cumprir nos concursos públicos que não permitem que a instalação da climatização nas unidades de saúde mais sensíveis ao calor esteja concluída até ao final da vigência deste plano”.
O ministro anunciou a abertura de concursos para climatização para os hospitais de Elvas, Fundão, Portalegre, Évora, Faro, Barlavento Algarvio e no Centro Hospitalar da Cova da Beira. O investimento total ascende aos 2,6 milhões de euros.
A onda de calor que ocorreu em Portugal entre finais de Julho e 15 de Agosto de 2003 provocou, segundo Luís Filipe Pereira, a morte a 1953 pessoas, 14 das quais devido às altas temperaturas e as restantes por complicações de doenças, em especial do aparelho circulatório.
O Plano de Contingência, que vigora entre 15 de Maio e 30 de Setembro, elaborado pelo director-geral da Saúde, visa a articulação da informação entre as autoridades de saúde tuteladas pelo Ministério.
Este plano, em preparação desde Outubro de 2003, pretende minimizar os efeitos na saúde humana de uma eventual onda de calor, similar às que ocorreram no nosso país em 1981, 91 e 2003.
DADOS
MAIS QUENTES
Os locais mais quentes entre os dias 29 de Julho e 16 de Agosto de 2003 foram Beja, com 45,4ºC, e Santarém, com 45,2ºC.
NÍVEIS DE ALERTA
As autoridades de saúde têm quatro níveis de alerta: azul – estar atento; amarelo – previsíveis efeitos na saúde; laranja – ocorre onda de calor; vermelho – onda de calor grave.
RESPOSTAS
Os hospitais elaboram um plano para responder aos alertas e os centros de saúde identificam pessoas vulneráveis e abrigos climatizados.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)