Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

FUGA A PÉ PELA SERRA

Joana Raquel, de 14 anos, foi uma das adolescentes que na passada quarta-feira fugiu a pé de Castelo de Vide rumo a Portalegre, cidade onde foi encontrada passados quatro dias pela PSP juntamente com o irmão mais novo, André Filipe, e a prima Carla Lourenço, ambos com 13 anos.
21 de Maio de 2003 às 00:00
"Fomos para Portalegre porque nos apeteceu. Saímos da Escola (Garcia de Orta) às 15h45 de quarta-feira e chegámos a Portalegre pelas 21h00. Fugi com eles a pé pelos caminhos da serra para não sermos vistos”, referiu Joana ao nosso jornal, ao lado da mãe. Nos quatro dias em que estiveram desaparecidos, esta menor explicou que dormiram perto do jardim da Corredoura, em Portalegre. Além disso, segundo a adolescente, o namorado da sua prima, também de Castelo de Vide, ia durante a noite a Portalegre e “dava dinheiro para comermos”.
Refeita do “enorme susto”, a mãe da Joana e do André, Emília Barradas, continua a não perceber a razão pela qual os seus filhos e a sobrinha fugiram de casa: “Eles têm tudo e fugiram porque quiseram. Nestes dias fui a todos os ‘buracos’ com a família e amigos. Eles viram-nos em Portalegre, mas esconderam-se”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)