Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Fui eu que preferi o privado

Operada a um problema de apendicite a 5 de Julho, numa unidade de saúde privada de Lagos, depois de ter sido assistida por cinco vezes no Hospital do Barlavento, sem um diagnóstico preciso, conforme o CM noticiou a 11 de Julho, Andreia Sofia Vaz iliba o médico Óscar Dias de qualquer responsabilidade na opção tomada.
21 de Agosto de 2007 às 00:00
Andreia Sofia Vaz garante que a responsabilidade na opção foi sua
Andreia Sofia Vaz garante que a responsabilidade na opção foi sua FOTO: José Carlos Campos
O Hospital do Barlavento abriu um inquérito e, perante a possibilidade de recaírem responsabilidades sobre aquele cirurgião, Andreia Sofia Vaz garante que “fui eu a decidir o recurso a uma unidade de saúde privada e mais ninguém. Estava cansada de ir ao Hospital do Barlavento e regressar a casa sem nada resolver, continuando com dores.”
O médico Óscar Dias “aconselhou-me a voltar ao Hospital do Barlavento mas não quis. Fizeram-me exames, passei pelas mãos de vários médicos e não encontraram nada, quando eu estava doente.”
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)