Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Fuma na cama e causa incêndio

Fogo começou no colchão da cama. Homem, que estava ferido, numa perna, entrou em pânico e não conseguiu fugir. Foi salvo pelos bombeiros.
2 de Julho de 2014 às 07:37
O incêndio deflagrou no colchão da cama da vítima, que vive numa casa degradada na Bica Boa
O incêndio deflagrou no colchão da cama da vítima, que vive numa casa degradada na Bica Boa FOTO: Miguel Veterano

António José Diogo, de 55 anos, estava deitado na cama, a fumar, quando o colchão começou a arder. Em pânico, o homem tentou fugir da habitação degradada, onde vive sozinho, na zona da Bica Boa, em Monchique, mas não conseguiu. Foi salvo pelos Bombeiros Voluntários de Monchique (BVM), que tiveram de arrombar a porta da casa para o retirar.

"Ele estava ferido numa perna e tinha inalado muito fumo. Como estava muito agitado, não conseguia abrir a porta e corria perigo", relatou ao CM o comandante Rui Lopes, dos BVM.

O alerta foi dado pelas 07h10 de ontem por um vizinho da vítima, que foi regar a horta e viu o fumo que saía pelo telhado da habitação, constituído por chapas de zinco, na zona do quarto onde se encontrava António Diogo. O fogo, que se concentrou sobretudo nesta dependência, foi rapidamente extinto pelos bombeiros, que deslocaram para o local dez elementos e quatro viaturas. A vítima, que foi hospitalizada no Centro Hospitalar do Algarve, em Portimão, ficou desalojada. Contactado pelo CM, o presidente da Câmara de Monchique garantiu que vão ser tomadas as medidas necessárias para dar à casa condições de habitabilidade. Assim, hoje está prevista a deslocação à habitação de uma equipa da autarquia, que vai "fazer a limpeza e algumas pequenas obras, sobretudo a nível do telhado", revelou Rui André. De acordo com o autarca, António Diogo vive do rendimento social de inserção (RSI) e frequenta a Cantina Social da Misericórdia.

monchique incêncio fumar vítima
Ver comentários