Funcionária recusa sexo a patrão que a tenta assassinar

Estofador está acusado de seis crimes graves e vai ser julgado no Tribunal de Leiria.
Por Isabel Jordão|28.12.18
Notícia exclusiva para assinantes. Para ler faça Login ou AssineSaiba mais aqui.
Um estofador de 65 anos, residente em Soure, vai ser julgado por seis crimes graves, entre eles homicídio qualificado na forma tentada, por ter atingido a tiro uma funcionária que queria despedir-se por estar a ser assediada. Com a vítima a esvair-se em sangue, negou-lhe socorro e só aceitou pedir ajuda depois de combinarem inventar ...
Exclusivos CMEste artigo é exclusivo para Assinantes Correio da Manhã
Se já é Assinante, faça o seu loginouAssine 1 mês por 1€.
Para ler TODOS OS EXCLUSIVOS CM de hoje por 0.60€ + IVA
Obtenha o seu código de acesso com uma simples chamada telefónica
ou
UTILIZE O 
Assine agora o Correio da Manhã Digital
  • Assine Acesso integral ao Correio da Manhã ePaper (tal como é impresso em papel, veja exemplo)
  • AssineAcesso ilimitado a todo o site do Correio da Manhã.
  • AssineTodos os exclusivos, opinião e análise da edição em papel.
Saiba mais

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!