Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Furtaram seis mil euros de reformas

Um grupo de indivíduos furtou na passada quinta-feira do interior de um escritório de um supermercado em Cunheira, Alter do Chão, cerca de seis mil euros que se destinavam ao pagamento de reformas a idosos, disse ao CM o proprietário do estabelecimento. Os lesados acabaram, no entanto, por receber o dinheiro, uma vez que o dono do supermercado se prontificou a levantar a quantia furtada da sua conta pessoal.
15 de Dezembro de 2007 às 00:00
“Os velhotes não têm culpa e ainda por cima precisam do dinheiro, que é o dobro nesta altura do Natal”, referiu Vitorino Carvalho, sargento da marinha e presidente da junta de freguesia local, que trata das reformas dos idosos da terra desde 1985.
O assalto, segundo este empresário, terá sido consumado ao inicio da tarde de quinta-feira. Três mulheres, dois homens e uma criança, saíram de um Renault Clio vermelho e entraram no supermercado. Enquanto viam artigos e perguntavam preços, um dos indivíduos ter-se-á introduzido no armazém e posteriormente no escritório, de onde levou os envelopes com 6025 euros. “Estranhámos quando o grupo saiu à pressa sem comprar qualquer artigo”, disse Vitorino Carvalho.
O assalto está a ser investigado pela GNR.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)