Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

FURTAVAM SANTOS

Três indivíduos, um dos quais comerciante de antiguidades, foram detidos pela Polícia Judiciária (PJ), com a colaboração da PSP de Évora e a GNR de Borba, acusados de furto e tráfico de objectos de arte sacra.
8 de Março de 2003 às 00:00
Dois dos detidos, de 17 e 29 anos, foram os autores dos assaltos em seis igrejas alentejanas e o terceiro, de 52 anos, é indiciado como receptador dos roubos daqueles.

De acordo com a Polícia, foram ainda identificados mais nove suspeitos, cuja responsabilidade criminal continua a ser apurada.

Foi apreendido um importante conjunto de arte sacra, desde imagens, a telas, retábulos, altares inteiros, do século XVII, paramentos, um missal, andores e azulejos, que tinham sido roubados de duas igrejas e uma ermida em Cuba, de uma igreja e de uma capela particular em Évora e de uma capela no Redondo.

Deste acervo, apenas uma pequena parte tinha sido já vendida, admitindo-se que algumas peças tenham sido compradas por turistas espanhóis, dado o comerciante ter lojas em zonas turísticas e de passagem de fluxos de visitantes estrangeiros.

As autoridades apreenderam ainda duas viaturas, utilizadas no transporte dos objectos roubados.

A audácia dos gatunos levou a que estes, durante determinado tempo, desmantelassem o altar e os retábulos de uma capela, apesar de esta estar junto à residência de uma quinta.

Para este trabalho, os assaltantes, que geralmente operavam de noite, usaram arranca-pregos.
Quanto ao comerciante, desde há muito que se suspeitava que ele costumasse receptar arte roubada, que restaurava e vendia posteriormente.

O montante do valor das peças agora recuperadas é difícil de ser apurado, porém a PJ estima que o total ronde os 250 mil euros. Os objectos serão devolvidos aos legítimos proprietários.

O tribunal de Évora confirmou a prisão preventiva dos detidos. A PJ alertou ainda para a necessidade de serem tomadas precauções, no sentido de acautelar as peças de valor artístico existentes em locais de culto.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)