Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Gang de Leste preso a fugir de assaltos

Já tinham assaltado dezenas de estabelecimentos de norte a sul do País, entre ourivesarias, oculistas, perfumarias e lojas de roupa conceituadas. E preparavam-se para fugir de mais dois roubos quando sete elementos do grupo, oriundo do Leste da Europa, foram presos em flagrante, na madrugada de sexta-feira – três numa ourivesaria em São Pedro do Estoril e outros quatro, entre eles uma mulher, numa boutique em Pombal.
13 de Abril de 2010 às 00:30
PSP juntou no Comando de Setúbal todo o material apreendido ao grupo de assaltantes
PSP juntou no Comando de Setúbal todo o material apreendido ao grupo de assaltantes FOTO: Rui Minderico

Uma operação da PSP de Setúbal – que contou com mais de 130 elementos – permitiu fazer as detenções em flagrante delito e recuperar imediatamente "inúmeros objectos em ouro avaliados em dezenas de milhares de euros" e "uma grande quantidade de peças de roupa".

Segundo o CM apurou junto de fontes da PSP, nas sete buscas domiciliárias às casas dos detidos, foram recuperados "diversos artigos provenientes de outros furtos ocorridos nos últimos meses". Os agentes, sabe o CM, ficaram surpreendidos com a quantidade de produtos descobertos: "centenas de óculos, perfumes, ecrãs plasma e LCD, computadores portáteis e inúmera ferramenta utilizada nos arrombamentos."

Ainda de acordo com a PSP, o gang roubava este tipo de objectos por "serem de fácil escoamento para o mercado paralelo quer em território nacional, quer noutros países da União Europeia".

Tal como o CM noticiou anteriormente, este grupo numeroso está também referenciado em Espanha, e vários elementos tinham sido detidos em Janeiro, após assaltos em Setúbal e Viseu.

PORMENORES

VARREM PAÍS

A PSP diz que nos últimos meses o grupo "praticou ilícitos nos distritos de Faro, Portalegre, Castelo Branco, Viseu, Aveiro, Leiria, Lisboa e Setúbal".

PREVENTIVA

Dos sete detidos, apenas dois ficaram em prisão preventiva. Três ficaram em prisão domiciliária e outros dois detidos com apresentações periódicas às autoridades.

130 AGENTES

Na operação coordenada pela Esquadra de Investigação Criminal da PSP de Setúbal participaram também elementos do GOE e da PSP de Lisboa.

Ver comentários