Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Gang espanca português

Um emigrante português em Inglaterra encontra-se entre a vida e a morte no Hospital de St. George, perto de Londres, depois de ter sido selvaticamente espancado por quatro jovens, todos eles vestidos com roupas escuras. O crime aconteceu na terça-feira quando David Filipe, de 39 anos, seguia de bicicleta junto a um jardim de Epsom, a sul da capital inglesa.
20 de Agosto de 2009 às 00:30
David Filipe dirigia-se para casa, em Epsom, quando foi  agredido pelos quatro jovens
David Filipe dirigia-se para casa, em Epsom, quando foi agredido pelos quatro jovens FOTO: D.R.

O espancamento foi de tal maneira brutal que as autoridades não estão a tratar este caso como uma simples agressão, mas sim como uma tentativa de homicídio. David, pai de duas crianças menores, sofreu, além de vários hematomas e cortes, uma fractura craniana, que o deixou em estado crítico. Tem prognóstico reservado.

O emigrante, que reside no subúrbio de Epsom, dirigia-se na estrada de Cox, às 21h30 de terça-feira, quando começou a ser perseguido por outro ciclista, que acabou por o empurrar e deitar ao chão. Foi então que os quatro jovens, sem razão aparente, espancaram David Filipe que, ao que tudo indica, se dirigia para casa, a poucos metros do local do ataque. Segundo os relatos da imprensa inglesa, os agressores não levaram nada.

A polícia britânica pediu a colaboração dos habitantes da área residencial procurando alguém que possa ter visto o que aconteceu. O pedido de ajuda alargou-se aos meios de comunicação social, para os quais as autoridades enviaram uma fotografia da vítima. Foi mesmo criada uma equipa especial na polícia para investigar este ataque.

PORMENORES

LOCALIZAR CONDUTOR

As autoridades britânicas esperam localizar o condutor de um Nissan preto que foi visto a passar pelo local do ataque. Este pode ter presenciado tudo o que se passou.

SÍTIO PACATO

Epsom é uma localidade pacata dos subúrbios de Londres, que regista poucos casos que tenham de envolver a polícia. A última ocorrência foi em Abril, quando assaltaram o posto dos Correios.

RAPIDEZ EXIGIDA

Os magistrados locais esperam que as autoridades actuem de forma rápida na detecção dos quatro agressores.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)