Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Gás perigoso na Graciosa

A Furna do Enxofre, na ilha açoriana da Graciosa, permanecia ontem aberta ao público, quatro dias depois de o Centro de Vulcanologia ter alertado para níveis de dióxido de carbono (CO2) “acima do admissível”.
22 de Agosto de 2006 às 00:00
O vice-presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa, João Picanço, disse não haver necessidade de encerrar, para já, a furna, dado que no local há um funcionário em permanência, com uma experiência de sete anos.
“O funcionário camarário tem acesso permanente aos dados recolhidos pelos sensores para poder informar os visitantes”, disse João Picanço, acrescentando que, em caso limite, o funcionário tem ordens para encerrar de imediato o acesso ao local.
A Furna do Enxofre, um dos principais pontos turísticos da graciosa, está localizada na base da caldeira do vulcão central da ilha, cerca de 80 metros abaixo do nível do solo.
Sexta-feira passada, o Centro de Vulcanologia da Universidade dos Açores alertou para a existência de valores de CO2 acima do admissível em termos de saúde pública, desaconselhando visitas ao local.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)