Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

GNR apreende 3 milhões de euros em ‘coca’

Traficante apanhado com 2,7 quilos de droga no aeroporto.
João Carlos Rodrigues 13 de Outubro de 2019 às 06:00
Uma das malas de viagem apreendidas tinha um fundo falso onde estava escondida a droga
Uma das malas de viagem apreendidas tinha um fundo falso onde estava escondida a droga FOTO: CMTV
Uma investigação da GNR de Almada que durava há 11 meses levou os militares à apreensão de uma remessa de cocaína avaliada em três milhões de euros. Três pessoas – dois homens e uma mulher –, com idades entre os 32 e os 46 anos, foram presas.

Um dos homens foi apanhado logo ao aterrar no Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, quando chegava num voo proveniente do Brasil. Trazia uma mala de viagem com um fundo falso onde estavam escondidos 2,7 quilos de cocaína pura. A GNR já estava a acompanhar este suspeito, que foi preso junto aos tapetes de bagagem, assim que pegou na mala.

Já com este suspeito sob custódia, os militares avançaram para a casa onde os destinatários da droga aguardavam a entrega, na zona da Trafaria. Neste local foram presas duas pessoas, que integravam a rede e seriam responsáveis por guardar, ‘cortar’ e depois traficar a droga. A GNR afirma que este trio tinha montada uma operação em grande escala, abastecendo outros traficantes, mas também consumidores, sobretudo na Charneca da Caparica.

Na habitação foi encontrada outra mala de viagem com fundo falso, uma pistola 6,35mm, 3580 euros em dinheiro e 32 gramas de ouro, bem como diverso material de corte, embalamento e distribuição.

A mulher foi constituída arguida e libertada a seguir.

Levados a tribunal os dois homens – um português e um cabo-verdiano – foram colocados em prisão preventiva até ao julgamento.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)