Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

GNR de folga salva mulher e bebé de 3 anos de agressor 

Homem de 24 anos estrangulou a vítima e tapou-lhe a boca para a impedir de gritar. 
3 de Junho de 2020 às 10:27
GNR
GNR FOTO: Ricardo Almeida
Um militar da GNR de folga salvou uma mulher e uma bebé de 3 anos das agressões de um homem de 24 anos, em Coruche, no passado dia 31 de maio.

O militar apercebeu-se de vários gritos vindos do exterior de uma habitação e quando se aproximou do local apercebeu-se que uma mulher, de 23 anos, com uma criança ao colo estavam a sofrer agressões físicas e verbais.

"Depois de ter feito um estrangulamento à vítima,  também lhe colocou a mão na boca para impedir que esta gritasse por socorro, fazendo com que esta tivesse caído desamparada", pode ler-se no comunicado da GNR.

O militar deslocou-se ao local das agressões de forma a travar o agressor. Solicitou ainda o apoio de uma patrulha de Coruche que se deslocou ao local e deteve o suspeito.
GNR folga agressor boca gritar militar
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)