Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

GNR dispara sobre rival por causa de mulher

Ministério Público pediu a condenação do GNR.
Tiago Virgílio Pereira 29 de Junho de 2020 às 08:36
Justiça
Tribunal
Justiça
Tribunal
Justiça
Tribunal
Um militar da GNR disparou um tiro sobre um rival que o tinha agredido por várias vezes a murro e pontapé, por causa de uma mulher. Tudo aconteceu em janeiro de 2018, em Laceiras, Carregal do Sal e esta segunda-feira é conhecido o acórdão, no Tribunal de Viseu.

Nas alegações finais, o Ministério Público pediu a condenação do GNR e pena de prisão, nunca inferior a oito anos, para o rival Luís Anjos, que responde por vários crimes contra outros militares da GNR.
GNR Tribunal de Viseu Laceiras Carregal do Sal crime lei e justiça
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)